Post Image

Uma sondagem realizada pelo Barómetro de Opinião COVIS-19 da Marktest, entre os dias 4 e 5 de junho. Com uma amostra de 504 inquiridos, com mais de 18 anos, residentes em Portugal Continental, permitiu conhecer os hábitos ou comportamentos adquiridos no período da pandemia que vão ficar por muito tempo.

Já é conhecida a influência que a pandemia do Coronavírus provocou no dia-a-dia dos portugueses.

Devido a toda uma mudança drástica, com novas informações que se sucedem a cada minuto, comunicações, mudanças e decisões a serem tomadas constantemente e com os números de casos a aumentarem a casa dia, os comportamentos e hábitos vão sendo alterados.

Com os dados deste estudo, foi possível perceber que os portugueses dão cada vez mais importância, e também darão no futuro, a acções digitais.

Dos inquiridos, 30% admitiram fazer mais compras online, 25,1% que irão utilizar menos o dinheiro para pagar compras e 25% que irá recorrer mais a serviços online de organismos/instituições/empresas.  

Relativamente aos serviços online de organismos/instituições/empresas, esta alteração comportamental faz-se sentir mais perante o público masculino, entre os 35 a 54 anos, da Grande Lisboa e pertencente a classes sociais mais elevadas. Comportamento este, que já apresenta algum relevo por todo o país, idade e género e nível de classe social.

É essencial prestar atenção às variações comportamentais do seu público alvo, pois desta forma vai certamente colmatar as necessidades dos clientes e a sua fidelização e satisfação é conseguida.


Ainda não preparou o seu negócio para as novas mudanças dos Portugueses e do Mundo?

Então está a perder oportunidades de negócio!

Adapte-o ao mundo digital!

. . .

Fonte:  Marktest Group. Barómetro de Opinião COVID-19. Disponível em https://covid19.marktest.pt/artigo/um-em-cada-4-portugueses-pensa-recorrer-mais-servicos-online-de

Próximo
Evolução das Redes Sociais – Comportamento em Portugal