Post Image

Um relatório elaborado pelo Gabinete do Cibercrime da  Procuradoria-Geral da República de Portugal – “Covid 19: Cibercrime em tempo de pandemia”- concluiu que o número de crimes praticados nesta área multiplicou-se exponencialmente.

Até as 24horas do dia 16 de abril de 2020 foram recebidas pelo gabinete 162 denúncias:

Através deste quadro é possível verificar esse mesmo crescimento exponencial, pois em apenas duas semanas de abril existe mais denúncias que em 2017 ou 2018 e aproxima-se muito do valor do ano passado.

Segundo estes dados, o ano de 2020 será um ano de aumento muito superior ao que tem vindo a acontecer nos anos anteriores, e já é possível verificar isso mesmo com os resultados dos primeiros meses do ano:

No mês de março houve um aumento de 230%, em comparação com o mês de fevereiro, já no mês de abril (e apenas com dados até ao dia 16) já se verificou um aumento de 165%, comparando com o mês de março.

Segundo este relatório “A manter-se esta tendência, o aumento percentual do mês de abril poderá andar pelos 330%”.

Defraudações na utilização da aplicação de pagamentos MB WAY, difusão de mensagens de email e SMS contendo malware, campanhas de phishing e extorsão por via de correio electrónico são os tipos de cibercriminalidade mais denunciadas pelos cidadãos.

O Gabinete Cibercrime emitiu Alerta Cibercrime a 8 de abril de 2020 (sobre a utilização fraudulenta da aplicação MB WAY) e um Alerta Cibercrime de 14 de abril de 2020 (sobre mensagens eletrónicas fraudulentas em forma de prevenção para este crime em crescimento.

Dê sempre preferências a fontes fidedignas e consulte os profissionais da áreas!

Próximo
Evite Multas desnecessárias – o seu website tem obrigações legais!